15
dez

CMA lança livro infantil sobre o peixe-boi marinho

OCentro Nacional de Pesquisas e Conservação de Mamíferos Aquáticos (CMA) lançou um livro para crianças sobre o peixe-boi marinho. O objetivo é ensinar às crianças como vivem esses mamíferos, contribuindo assim na sua proteção. A publicação “Vamos Aprender com o Peixe-boi?” explica que os animais são mamíferos aquáticos herbívoros. Eles se alimentam de um capim que cresce no mar chamado de capim agulha, bebem água doce e quando têm filhotes buscam as águas mais calmas dos mangues.

A publicação também mostra as características físicas do animal, que tem um corpo comprido e largo no formato fusiforme, olhos e ouvidos pequenos. Os filhotes nascem normalmente com 30 quilos e um metro e 20 centímetros de comprimento. O problema enfrentado por alguns peixes-bois é não ter o mangue para o nascimento do filhote. Para isso, existe o Projeto Peixe-boi. Que esse ano comemora 40 anos de atuação na conservação da espécie. O Projeto resgata filhotes de peixe-boi-marinho que se perderam das mães, reabilita e reintroduz. Já foram aproximadamente 50 animais que voltaram para natureza. Esses animais são monitorados por radiotelemetria para acompanhamento da adaptação ao novo lar.

O Projeto também realiza pesquisas sobre o comportamento dos indivíduos, habitat e recursos alimentares, variabilidade genética, entre outros. O livro ainda aborda a diferença da espécie para o peixe-boi-amazônico, cuja atuação do ICMBio se faz por meio do Plano de Ação (PAN) para Mamíferos Aquáticos da Amazônia, monitorando a implantação de ações que visam a conservação dessa outra espécie. “Destacamos que ambas se encontram ameaçadas de extinção, sendo o peixe-boi-marinho classificado como em perigo, e o amazônico como vulnerável”, ressalta Fábia Luna, coordenadora do CMA.

Comunicação ICMBio

comunicacao@icmbio.gov.br